1 de fev de 2015

NO BRASIL ENTRE 1694 à 1833 - EM VALORES SE CUNHOU MAIS MOEDAS DE PRATA OU OURO??

Olha que curioso: Lendo agora o Livro "Medalheiro da Casa da Moeda" apresentado na Exposição de 1861 , de autoria do Dr. Candido de Azeredo Coutinho, editado e publicado pela typografia Nacional em 1862, nas páginas 42, existe um quadro do total de cunhagem de moedas no Brasil entre os anos de " 1694 a 1833" por tipo de metal a saber:
 
 
Ouro................................................................................249.457:629$928
Prata ...................................................................................27.260:866$319
Cobre-Cunhado no RJ - BA - SP - MT - GO e Portugal...18.000:000$000



Juro que se me perguntassem se foram cunhadas mais moedas de Ouro ou Prata, ( para que não haja dúvidas, em valores) eu responderia Prata. E estaria errado. Por este quadro, fica claro que moedas de cobre não tinham muita importância, tanto é que o quadro deu número estimativo e não exato, como na Prata e Ouro. Coisas interessantes da nossa história da Numismática.

Porque eu pensava que a PRATA ( em valores e não em quantidade) tinha sido as mais cunhadas? Pelo fato de que existiam grandes reservas de prata no Vice-Reino do Perú, depois de 1776, conhecido como Vice-Reino do Rio da Prata ( hoje atual Bolívia) onde lá se encontra a grandiosa Mina de Prata de Potosí.

Nesta época o domínio da Mina de Prata era da ESPANHA, mas logicamente o Brasil, com domínio Português, era um grande produtor de ouro, e eu acreditava ( antes de ver este quadro) que o Brasil entregava o ouro e recebia a prata em troca para a cunhagem de nossas moedas de Prata.

Mas foi um erro pensar assim, por este quadro fica claro que o Brasil, cunhava ( em valores e não em quantidade) mais moedas de Ouro do que de Prata.

Confesso que com esta pesquisa e descoberta, pensava totalmente errado do ponto de vista histórico e documentado.

Foi uma lição.

Boa Leitura a Todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário